terça-feira, 26 de novembro de 2013

Cannabis Works - Uma viagem surreal no mundo de Tatsuyuki Tanaka.


Vejamos, este post será diferente do usual, desta vez não farei nenhuma análise, somente irei me restringir a compartilhar vom vocês um pouco da arte de Tatsuyuki Tanaka, bem como realizar um contribuição auditiva no final do posto.

Tatsuyuki Tanaka, prolífico artista, que atua nas áreas de animação e desenho, ficando conhecido pela magnífica cena da mutação do braço de Tetsuo, do clássico Akira. Desde lá trabalhou com muitos animes, filmes e videogames, estando atualmente prestando serviços para o estúdio 4ºC, onde recebeu inúmeros prêmios internacionais com obras como Genius Party, uma antologia de curta-metragens que ganhou o prêmio de animações futuristas europeu.



A arte de Tatsuyuki Tanaka é incrível, em regra, suas obras são marcadas por um estilo cyberpunk, sempre com a constante presença de cidades decadentes e ciborgues, ou ainda desenhos mais voltados para a estética steampunk. Os seus personagens sempre são repletos de detalhes, as pessoas são profundamente trabalhadas, suas expressões faciais refletem quase sempre uma estado de enfado ou simples aceitação. As criaturas, humanóides, robôs, mutantes, e muito mais, são ricos em detalhes e cores (quando coloridos claro), neste ponto se deve ter dupla atenção a fim de conseguir extrair todos os detalhes em suas gravuras.

O que vou apresentar aqui hoje são algumas ilustrações do seu primeiro Artbook, Cannabis Works, que contém desenhos e storyboards de suas obras. Vale frisar que quem quiser conferir na íntegra, não é difícil encontrar para download ou podendo valer-se de galerias na internet. Cannabis Works é um nome bem sugestivo, haja vista a combinação de tanntos elementos surreais em seu trabalho, uma verdadeira fuga da realidade.

Desfrutem!
















































Também vou fazer uma contribuição auditiva para esta postagem, indicarei uma banda para acompanhar a vizualização das gravuras, Valkilly, uma banda japonesa que se intitula uma mistura de cyberpunk, metal e techno, e nada melhor que um ritmo cyberpunk para uma ambientação visual cyberpunk não é? Até a arte das capas dos discos não foge desta temática.

















Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...